Make your own free website on Tripod.com
a arte de fumar


Primeira página

Iniciantes

Tópicos avançados

Fumante: estilo de vida

Saúde
      
Exercícios físicos
      
Fumo e gravidez
       Diminuindo e parando
       Doenças

Tópicos adultos

Contato
Doenças e o fumo



     Durante sua vida de fumante, você poderá ter algumas doenças causadas ou agravadas pelo fumo. Para se curar rapidamente, é fundamental NÃO fumar. Use um adesivo ou chiclete de nicotina se for necessário, mas também não é bom ficar tomando mais e mais produtos químicos.

    Quando você fica doente, principalmente se for algo respiratório como gripe ou bronquite, você já não vai nem querer fumar tanto. Você pode usar parcialmente um dos métodos para diminuir e parar: "eu realmente preciso fumar agora?". Fumando menos, ou parando temporariamente, você poderá ficar melhor mais rapidamente, e então, se você quiser, você poderá voltar a fumar o seu normal. Ou não: muitas vezes, durante uma doença você passa a fumar muito menos ou nada, e pode ser que, quando você melhorar, você não tenha mais a mesma vontade de fumar que sentia antes.

    À medida em que envelhecem, algumas pessoas que fumam desenvolvem doenças como asma, bronquite crônica, ou, pior, efisema ou câncer. Essas doenças surgem, principalmente, por se fumar demais e falta de exercício dos pulmões. Se você for acometido por uma das doenças mais leves causadas pelo fumo, adote imediatamente medidas para diminuir ou parar (pelo menos temporariamente) de fumar, e siga rigorosamente uma rotina de exercícios e alimentação para reverter ou diminuir os efeitos.

    Se o seu caso for mais grave, como efisema ou câncer, você tem duas opções: ou você pára de fumar de vez para viver mais com sua família e seus amigos, ou você acelera em direção ao céu fumando o mesmo tanto de antes. A escolha é sua.